NOVIDADES

ESTOU DESEMPREGADO E QUERO COMEÇAR A EMPREENDER, POR ONDE EU COMEÇOU?
17/07/2019

ESTOU DESEMPREGADO E QUERO COMEÇAR A EMPREENDER, POR ONDE EU COMEÇOU?

O desemprego tem levado muitos brasileiros a buscarem soluções viáveis para ganhar dinheiro. E empreender se mostrou um dos caminhos mais interessantes para mudar de vida. Veja nossas dicas para iniciar seu próprio negócio, e ter sua renda.

Claro que uma das primeiras sugestões antes de começar seu empreendimento é mudar seu gasto diários. Esse passo é necessário por dois motivos: você não tem mais a mesma renda que antes, e seu negócio para funcionar precisará que consiga pagar suas contas pessoais nos 6 primeiros meses (no mínimo).

Feito esses ajustes, confira por onde deve começar a montar seu negócio.

 

 

Uma pesquisa para encontrar uma fonte segura de renda

A principal característica do empreendimento que te ajudará a sair do desemprego, e fazer você ganhar dinheiro é segurança. Na prática isso significa dizer que o segmento que escolheu vive um bom momento, e terá retorno certo do investimento que vai destinar.

É uma etapa de estudo. Vá atrás de informações, e compare pessoas e empresas que já atuam na área que pretende começar o negócio. Claro que em muitos momentos precisará arriscar, mas no início vale conhecer tudo.

 

 

O sistema de franquias

Essa é uma boa forma de investir suas economias para empreender. Você terá a experiência de uma marca, e se aproveitará de um plano de negócios já elaborado. As franquias também tem a vantagem de atender diferentes orçamentos de R$ 3 mil a R$ 30 mil. Mas, qual será a melhor para você?

A dica aqui é optar por um negócio que se aplique em sua região, e que tenha certa familiaridade. Não ache que só pela fama da marca, o negócio será um sucesso.

 

 

Começar sozinho

Mesmo que vá trabalhar muito nos primeiros meses, é importante que você comece o negócio sem sócios. Motivos não faltam:

- Quitar todas as suas dívidas

- Sentir o mercado

- Usar sua experiência na área e ir se consolidando

- Não ter brigas iniciais, e comprometer o pouco orçamento

Você também poderá aproveitar algumas facilidades como o cadastro no MEI (Microempreendedor Individual). Com esse registro poderá faturar até 81 mil reais, sem se complicar com o Fisco, terá um CNPJ e ainda contratar 1 funcionário.

Prestação de serviço, comércio ou manufatura

Novamente tudo dependerá de suas experiências. Mas, saiba que começar em qualquer área vai precisar de muita dedicação, e se aprofundar. Seja qual for o segmento, ter bons fornecedores e manter seu nome limpo na praça é regra básica.

Tem isso em mente que logo deixará sua condição de desemprego, para empreendedor de sucesso. Bons negócios!

Gostou do nosso blog de hoje? Então não deixe de acompanhar nossas novidades e ficar por dentro de dicas como essa!

E claro, se tiver alguma dúvida sobre como adquirir crédito com a Credisol, acesse e fale com o agente de crédito mais próximo de você!

 

 

 

 

Fechar
ATENÇÃO: Não solicitamos nenhum tipo de depósito antecipado para liberação ou análise do crédito. Aqui você será atendido pessoalmente por um Agente de Crédito.