NOVIDADES

QUERO EMPREENDER, MAS NÃO TENHO DINHEIRO SUFICIENTE!
23/04/2020

QUERO EMPREENDER, MAS NÃO TENHO DINHEIRO SUFICIENTE!

O engano de muitos que desejam começar a empreender é que nada pode ser feito sem dinheiro. Mas a verdade é que você não precisa de muito capital próprio para começar um negócio.

Para ser mais específico, é possível começar até sem nenhum capital. E se isso não fosse verdade, não teríamos tantas histórias de sucesso de microempresas que começaram como uma alternativa para o desemprego dos seus proprietários. Sim, pode ser um risco, mas também pode valer muito a pena.

Se você está preocupado com a falta de capital para investir na abertura de um negócio, veja aqui algumas ideias de como você pode começar.

 

 

Pense no que você pode conseguir de graça

 

É fácil pensar em uma lista de obstáculos que impedem você de ser seu próprio patrão. O difícil é formular uma lista de oportunidades que estão bem na sua frente. Se a ideia de começar um negócio sem dinheiro te assusta, pare e pense no que você pode fazer sem ele agora.

O que é essencial para o seu negócio? Você precisa mesmo do ponto comercial no Centro da cidade ou é possível concentrar o operacional na sua casa? Você precisa de um site profissional ou dá para se virar com a divulgação local nas redes sociais?

Existem muitos recursos gratuitos na internet para ajudar pequenos negócios. Faça uma lista do que o seu negócio precisa para começar e pesquise alternativas gratuitas na internet. Pode levar tempo ou exigir uma habilidade com tecnologia maior do que a que você tem, mas vai poupar dinheiro quando você mais precisa.

 

Se pergunte quanto tempo você pode viver sem lucro

 

Novos negócios demoram no mínimo seis meses e geralmente dois anos para começar a dar lucro. Por isso, evitar gastar o dinheiro que você não tem é essencial.

Se você está empregado ou tem alguma fonte de renda da qual você está pensando em abrir mão para focar exclusivamente no seu novo negócio, é recomendável que você acumule algum dinheiro antes ou tenha um meio de se sustentar por no mínimo seis meses, já considerando que o que entrar no seu negócio nesse período deve voltar para ele, seja para pagar dívidas, funcionários, ou sair do modo improvisado com o qual você começou a operar.

 

 

Pegue empréstimo com uma instituição de microcrédito

 

Se você está operando com um orçamento apertado e precisa de mais capital, considere fazer uma solicitação de crédito com instituições voltadas especialmente para microempreendedores. Elas costumam contar com menos burocracia e taxas de juros mais favoráveis.

Se você não quer um valor alto que vai comprometer sua renda mensal, a melhor opção é o microcrédito. Existem linhas de crédito ideais para investimento na sua atividade, seja para aquisição de matéria-prima, seja para a compra de equipamentos.


Crises de saúde pública como essa que estamos vivendo, que limitam nossa liberdade e afetam negativamente a economia, fazem com que muitos pequenos negócios tenham que fechar as portas ou procurar por meios alternativos de sobrevivência. Em contrapartida, muitos trabalhadores que tinham um emprego formal se viram desempregados de uma hora para a outra.

Então, você pode estar se perguntando se esse é um bom momento para abrir um negócio. Para quem está passando pela segunda situação que citamos acima, essa pode ser a única opção. Se ninguém está contratando devido à crise, abrir um negócio pode ser a única saída - e fazer isso sem dinheiro deve ser a realidade da maioria.

Pensando nisso, a Credisol tem linhas de crédito criadas especialmente para ajudar os pequenos negócios que estão passando por dificuldades devido à pandemia. E elas podem ajudar também o seu futuro negócio. Oferecemos juros baixos, parcelamento de até 36x e prazo e carência flexíveis. Fale com um de nossos agentes de crédito e saiba mais!

Credisol, há 20 anos acreditando no microempreendedor.

 

 

Fechar
ATENÇÃO: Não solicitamos nenhum tipo de depósito antecipado para liberação ou análise do crédito. Aqui você será atendido pessoalmente por um Agente de Crédito.